Remela em excesso pode indicar problema nos olhos

Saiba a maneira correta de limpar a remela dos olhos, e conheça as doenças que o excesso desse muco pode indicar.

Popularmente conhecido como remela, o muco branco ou amarelado nos cantos internos dos olhos é comum quando acordamos.  Mas quando em excesso, a remela pode ser um sinal de problemas de saúde nos olhos.

A remela na verdade é uma sobra de lágrima, que se cristaliza quando ficamos algum tempo de olhos fechados. Ela é carregada de poeira e gordura, por isso é importante fazermos a higienização correta para evitar complicações.

Devemos sempre evitar levar as mãos aos olhos para retirar a remela. Nossas mãos podem estar sujas e acabar piorando ainda mais a situação, contaminando os olhos.

O ideal é lavar bem os olhos durante o banho. E durante o dia, pode-se usar um xampu neutro de criança e um disco de algodão umedecido com água gelada para retirar o excesso de muco dos olhos.

Remela em excesso pode indicar problemas nos olhos

Agora, se a produção de remela está excessiva, e geralmente acompanhada de outros sintomas como vermelhidão e sensação de areia nos olhos, pode ser um sinal de doenças oculares.

As mais comuns são a conjuntivite e a síndrome do olho seco.

A conjuntivite pode ser viral, bacteriana ou alérgica, e é bastante comum no inverno, já que passamos mais tempo em ambientes fechados e com pouca ventilação. Veja mais sobre os sintomas e tratamentos dos diferentes tipos de conjuntivite nesta outra matéria de nosso blog.

Já a síndrome do olho seco é mais comum em pessoas que passam muito tempo na frente do computador ou de qualquer outra tela, piscando menos que o normal. Em média, piscamos de 14 a 18 vezes por minuto, e isso é importante para manter os olhos hidratados e livres de sujeira.

Já falamos também aqui sobre a síndrome do olho seco, confira.

Portanto, se você apresenta qualquer um desses sintomas, procure um oftalmologista e previna-se!

Conheça as lentes de contato AVEO

Curta o melhor da vida com as lentes de contato AVEO!

Conheça nossa tecnologia e design inovadores e saiba por que todo mundo está usando.

Saiba mais sobre nossos produtos aqui.

Consulte seu oftalmologista e faça um teste.

Fonte: