Problema de visão: como saber se a criança tem algum

É preciso ficar atento aos detalhes no comportamento das crianças para identificar algum problema de visão.

Cerca de 30% das crianças brasileiras em idade escolar apresentam algum tipo de problema de visão, segundo o Ministério da Saúde. E entre 3 a 10% das crianças de 7 a 10 anos precisam usar óculos, de acordo com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia.

Por isso, os pais devem ficar atentos aos sinais em seus filhos. Aproximar-se demais da televisão e apertar os olhinhos para assisti-la, agitação em excesso, coçar ou piscar os olhos com muita frequência, podem indicar problemas de visão.

Diferente de uma pessoa adulta que apresenta problemas na visão e sabe manifestar a queixa, uma criança geralmente não consegue explicar ou acha normal a sua condição. É preciso ficar atento ao comportamento das crianças para perceber que algo pode estar errado.

Entre as doenças mais comuns observadas nos pequenos estão:

  • Estrabismo (desalinhamento dos olhos);
  • Miopia (dificuldade em focar objetos distantes);
  • Catarata infantil (cristalino perde a transparência);
  • Anisometropia (diferença de grau de um olho para o outro).

Para evitar a piora da visão, o diagnóstico precoce é extremamente importante. Em crianças a diferença de grau de um olho para outro pode ser um grave problema. Se chegar aos sete anos sem tratamento, o desenvolvimento da visão pode ser prejudicado para sempre.

Teste do olhinho

Rápido e indolor, o teste do olhinho deve ser feito na primeira semana de vida do bebê, ainda na maternidade. Um aparelho projeta uma luz nos olhos do recém-nascido. Se a luz é refletida vermelha, laranja ou amarela, os olhos são saudáveis. Se a luz é esbranquiçada ou diferente entre os olhos, outros exames devem ser feitos para investigar o problema.

O teste do olhinho é importante para prevenir a cegueira infantil. Pode também diagnosticar precocemente doenças como catarata congênita, tumores e glaucoma, além da retinoblastoma, que em casos raros pode ser fatal.

Outros exames

Entre 6 meses de vida e 1 ano, já é possível fazer uma avaliação funcional da criança, para identificar a existência de problemas de visão. Mesmo em crianças com a visão saudável, recomenda-se consultar um oftalmopediatra uma vez ao ano.

Conheça as lentes AVEO

Crianças a partir de 5 anos já podem usar lentes! As lentes de contato AVEO possuem tecnologia Hidrogel, que permite reter a umidade e maximizar a transmissão de oxigênio. Elas garantem conforto durante todo o dia, mesmo nos ambientes mais exigentes.

É por isso que as lentes Aveo são o maior sucesso, e todo mundo está usando!

Veja mais aqui.

Fontes: